GIRLSPT.COM - Cursores Animados
Just A Love (Ever Niley)
< ... >

Não. Meu pesadelo não havia acabado. Ainda. Isso se tornou insuportável, sufocante. O garoto idiota ainda pegava no meu pé e o Taylor nem dava esperança. Sim, eu menti quando disse para Miley e Demi que o Till já havia sumido da minha vida. Apenas para não ter outro “plano”, da My. Eles até eram divertidos, quando não me machucavam por dentro...como aconteceu da ultima vez. O Till agora só chega perto para falar asneiras se elas ou o Taylor estiverem longe...pelo menos isso!! Deve ser o preço que tenho que pagar por um dia ter aceitado isso tão fácil. Ser a Miss Popular, que saía com os melhores na escola. A diferença é que tudo parece diferente agora, e eu passei de uma popular superficial para uma garota de verdade, com sentimentos de verdade. Eu só queria nunca mais ver as pessoas que não entendiam isso. E talvez isso acontecesse logo, já que as aulas estavam acabando e seria o ultimo ano no colégio. Quem sabe as coisas mudassem daqui para frente!
Não quero ficar me lamentando. Isso não faz parte de mim... qualquer situação deve ser enfrentada com cabeça erguida, seja ela boa ou ruim. Além disso, minha vida estava ótima! É, estava... eu tinha minhas melhores amigas, o cara mais perfeito...era meu amigo... estava terminando o colégio e logo seria chamada para conhecer universidades e tudo mais. Mas, parece que algo estava errado...dentro de mim, eu acho.

My: O que está fazendo aí, Sel? – Disse simpática. Eu estava sentada no chão do corredor da escola, e as costas apoiadas no armário de alguém. Um caderno estava na minha mão e uma caneta na outra. Nick, Demi e Taylor estavam com ela.
Demi: É! Não me diz que está encerando o chão!!! Peraí...esse piso precisa ser encerado? Tipo...ele é tão branco e...brilha! – Todos olhamos para ela que parecia confusa arrastando o pé no chão. O.o
Eu: Eu... não sei...Demi! O.o.O – Falei pausadamente, sacudindo a cabeça em seguida e My riu.
My: Então...?
Eu: Hm...só estava passando o tempo, escrevendo alguma coisa...
My: Não sabia que escrevia!
Demi: Tá achando que ela chegou no ultimo ano da escola como, My?? – Censurou. – Não existe Ctrl C e Ctrl V na vida real, queridinha. – Revirou os olhos e mais uma vez a encaramos.
Eu: É... as vezes preciso desabafar com um caderno!
Demi: Nossa! Você trocou a gente por um caderno, sua.... – Miley tapou a boca dela com uma mão! Wooow! Quem mais tem medo dela levanta a mão!! \o/\o/\o/
My: Sabemos como é... não é, Demi?! – Os olhos arregalados da Demi com a boca tampada pela mão da My estavam engraçados.
Nick: Estamos indo agora... você não quer ir junto? – Disse educadamente fofo enquanto segurava a outra mão da Miles... bem, ela estava com as duas ocupadas então.
Joe: Hey... achei vocês! My!!! Porque está escondendo o sorriso que eu mais amo? – Perguntou óbvio olhando para Demi. – Você é tão sem sentimento!
My: Eu???
Joe: Não! Eu!! Claro que é você que está com a mão na boca da Dem’s. Tiraaa! – Ele falou fingindo impaciência de um jeito engraçado o que fez My rir loucamente tirando a mão que tampava a boca da Demi. Só então Demi pode abrir o grande sorriso que contagiou a nós enquanto Joe a abraçava. – Vamos agora?? – Todos olharam para mim...O.o
Eu: Ahnn... er... podem ir indo... vou ter que ficar.
My: Mas o colégio está praticamente vazio!
Eu: É... eu não vou demorar. Mas não esperem. – Respondi com um olhar tipo “não se preocupem” e ela revirou os olhos.
My: Ta néah... então até depois!
Eu: Até!
Nick: Tchau, Sel! – Disseram saindo já, seguidos por Joe e Demi.
Joe/Demi: Tchau!
Eu: Tchauzinho!

É...aquele rápido momento ainda não estava completo. Senti a falta daquela voz, daquela que eu estava pensando antes. Faltou o beijo no rosto de despedida que eu sempre sentia. Levantando os olhos eu encarei-o timidamente. Ele já saía, acompanhando os outros, mas parou e olhou para mim... será que ele sentia meu olhar em sua direção? Seus olhos pareciam sentir alguma culpa que ironicamente doía em mim, mais que nele talvez... agora me pergunto se duas noites atrás agi certo ou fui dura demais...

#### Flashback ON ####

Demi: Tá, é a sua vez, Sel!
Eu: Minha?? Da outra vez eu fui buscar o sorvete...
My: Pra você mesma! Além disso, esse momento exige sorvete!
Eu: Não exige não. Podemos muito bem conversar a noite inteira sem sorvete nenhum.
My: Mas tá chovendo!! Isso não é motivo suficiente pra você ir buscar??
Eu: Chuva e sorvete? Não! – Ela olhou pra Demi...
Demi: É...não é... O.o Mas vai logo, Sel!
Eu: Tá, mas eu não vou sozinha. São umas 12:30h da noite.
Demi: Se fosse pra ter que ir com você eu ia sozinha! ¬¬’
Eu: Obrigada pela consideração. Vou lá então... senão não saímos desse assunto.

É, eu tive que me render à insistência. Maldita hora que deu um vento frio e a My veio com essa de sorvete. ¬¬’
Desci as escadas, já deviam estar todos dormindo. O único barulho vinha do quarto da Demi...
“Demi, sai desse notebook! Deixa o Joe ir dormir! Kkkk”
“HAA e você? Pensa que não sei que esse celularzinho aí na mão é uma bomba de torpedo pro Nick?”
“Não sou terrorista q...ansduiha...”

Foi só o que eu ouvi antes de me distanciar. A casa estava parcialmente escura, mas dava para enxergar. Apesar de tudo estava...me assustando! É! Nunca se sabe o que você vai encontrar no próximo passo dado no escuro! Dei passos silenciosos e... essa não onde fica a luz da cozinha??? Comecei a tatear feito cega, rezando para que não houvesse ninguém ali com óculos de visão noturna, ou eu estaria pagando mico, mas...

Eu: AHHHHHHHHHH!!!!!!!! - Gritei ao ver a luzinha da geladeira acender! OMG!! Me senti no pânico...aquele filme, sabe?! COOOORRREEE!!!! – AiiiiI!!!! – Quando me dei conta estava sentada no chão com a mão no nariz... claro que senti uma parede bater no meu rosto antes disso e em seguida uma luz....OH GOSH... é a minha hora?? - Aiiin Eu não quero morreeerr!
Alguém: Sel??? Você está bem?? – Um rosto conhecido... perfeito *-* de alguém que se ajoelhou na minha frente.
Eu: Você é Deus?
Alguém: Hm... não.
Eu: Um anjinho?
Alguém: Não que eu saiba...O.o
Eu: Então...é o Taylor de verdade? – Desculpa aí se ele parecia mais fofo que um ser humano! TÁ! EU PAREYY! Acho que ele dorme na cozinha, porque é a segunda vez que venho aqui e dou de cara com ele!!
Taylor: Bom, ainda estamos na cozinha de casa, não é? – Eu olhei para cima, semi serrando os olhos pela repentina claridade. – Eu só...acendi as luzes. – O.o.O – O que está fazendo aqui a essa hora? São mais de meia noite.
Eu: O que estava fazendo no escuro??
Taylor: O.o Já conheço bem minha casa, ando aqui até de olhos fechados, sabia? Além disso vim beber água... eu tava sem sono!
Eu: ....rsrs. – Baixei uma pouco a cabeça...analisei a situação e ri de tudo aquilo. Sei lá, só me deu vontade. Quando parei e levantei os olhos ele estava sorrindo para mim. Era encantador a expressão um tanto inocente e paralisada que ele tinha no rosto, o que me fez encará-lo com a intenção de saber em que parte de mim seus olhos estavam. Mas logo desviei o olhar. – Ok. Foi um susto e tanto! – Falei levantando e passando a mão na testa dolorida. – Não faça mais isso!
Taylor: Eu fiz?? – Falou incrédulo. – Tá...eu fiz. ¬¬’ Machucou muito? – Acho que ele percebeu que minha testa doía.
Eu: É... deu pra ver, né?
Taylor: Sim... corte acima da sobrancelha geralmente dói.
Eu: O que???!!!! Tá saindo sangue??? ESSA NÃO!! Onde???
Taylor: Calma!! É melhor você lavar com água gelada enquanto eu pego um bandaid!
Eu: Tá! – Fiz isso desesperadamente, embora ele tivesse dito “Calma!”. O.o

...

Eu: Aii! – Reclamava, sentada num dos bancos do balcão.
Taylor: Ei, não está doendo! Nem encostei! – Ele dizia em pé, na minha frente, tentando colocar o bandaid no meu rosto.
Eu: Isso não significa nada!
Taylor: Tá legal! Olha... – Ele pegou minha mão, pacientemente. - ...eu sei que esse é um momento muito difícil e doloroso para você. Mas precisa confiar em mim. J - Apenas acenti com a cabeça, com medo... acabei me concentrando mais na suas expressões faciais do que na minha testa machucada. Então, pude sentir seus dedos tocando de leve, muito leve, no meu rosto... com o cuidado perfeito de não me machucar... – Ok... prontinho! – Ele sorriu e o máximo que pude fazer naqueles segundos seguintes foi retribuir, embora ter seu sorriso descontraído nesse momento fizesse meu coração sair um pouco de ritmo... mas, não sei se eu devia deixar.
Eu: Obrigada... – Minha voz quase não saiu de tão baixa, e completei com um sorriso que não planejei. Mas seu olhar, desta vez focado, não se desviou de mim tão rápido. – O que foi? – Perguntei ainda tímida.
Taylor: Não sei... – Ele respirou fundo, como se procurasse sem sucesso o ar necessário. - ...parece estranho o que acontece quando você sorri assim... é mais que uma boa risada que às vezes eu escuto, e não sei... acho que não consigo explicar direito... – Fiquei calada, mesmo diante de tudo isso. Pra falar a verdade... eu estava com medo de acontecer de novo... ele estaria brincando comigo outra vez? Mas, porque? Não tinha necessidade de ter cuidado comigo em um segundo e no segundo seguinte querer me machucar por dentro. Confusa, senti novamente seu toque leve no meu rosto, quase sem encostar, como se descobrisse uma nova textura... foi difícil falar, enquanto o que eu mais queria era deixar acontecer.
Eu: Taylor! – Falei um pouco firme e ele afastou a mão de mim, sem entender. – Você já sabe o que sinto, e parece fazer disso um jogo. Mas, pra mim não é. E...dói em mim dizer, mas se você quer continuar com isso...precisa decidir o que vai fazer daqui pra frente. Seremos amigos? Ou algo maior?... – Senti meus olhos ficarem úmidos, mas não deixaria uma lágrima cair e influenciar na decisão dele. – Você está tendo a chance de decidir. – Falei antes de levantar e sair da cozinha o mais rápido que pude, e então aquela lágrima presa fugiu dos meus olhos... eu tinha medo do que ele decidisse. Mas aceitaria.

####FLASHBACK OFF####

Agora eu estava ali, sentindo a dor do seu olhar em mim, sem saber o que se passava dentro dele. O que me resta é esperar.
Eu já estava sozinha outra vez no corredor. Nos últimos dois dias minha mente esteve tão ocupada com as possibilidades que não prestei muita atenção no que My e Demi diziam, e preferia ficar sozinha.
Ficar ali sentada não me traria uma resposta mais rápida. Guardei minhas coisas e caminhei no outro em um corredor paralelo, rumo ao meu armário onde guardaria umas coisas. Nem percebi quando cheguei lá, de tão distraída. Bem, é hora de...

Lucas: Selena! – Tá, eu não o vi chegar, mas ele estava encostado em um outro armário com as mãos nos bolsos.
Eu: O que faz aqui? – Perguntei sem interesse.
Lucas: Tenho treino mais tarde... mas isso não interessa. – Dei de ombros. Não interessava mesmo! – E sabe porque? – Ele veio caminhando na minha direção, sério. Não respondi. – Por que eu to vendo alguém mais interessante.
Eu: Quando vai desistir, Till? Tem tantas outras garotas que querem ficar com você por mais idiota que você seja...
Lucas: ...hm... Mas você é que foi quem me custou muito, na noite da festa, lembra..? – Ele chegou mais perto, o que me assustou um pouco.
Eu: Já sabia que você apostaria. E nem sei por que se importa, seu pai ganha muito mais, ô garoto mimado.
Lucas: Terrível momento em que “alguém” não saiu de perto de você.
Eu: Olha só, eu achei essa a melhor parte! – Ironica.
Lucas: Ah Qual é!! – Ele falou baixo, se aproximando mais de mim enquanto eu percebia que tinha ido na direção errada...encostei no armário e ele nem se importou. Suas mãos estavam apoiadas no armário ao lado da minha cabeça, me deixando praticamente sem saída. – Eu sei que é isso que você quer... – Falou mantendo seu rosto extremamente próximo ao meu enquanto eu tentava me “afastar” inutilmente.
Eu: Se tem uma coisa que eu mais quero é você bem longe de mim. – Falei com a voz tremula, tentando ser firme. Antes que terminasse de falar senti seus lábios tocarem meu pescoço. Longe demais.
Lucas: Não precisa mentir, linda. – Ele disse sem se afastar e riu de leve o que me fez sentir sua respiração em minha pele causando um calafrio que chegava a doer em eu corpo. – Ok, não é só o que quer...é o que sempre quis... – A mão dele passava pelo meu ombro enquanto continuava beijando meu pescoço.
Eu: Você não sabe nem meu nome direito, seu idiota!
Lucas: Selena, Selly ou então Sel mesmo... não é assim que te chamam? Você é popular, eu sou...olha só! É o destino! – Ele olhou pra mim e falou sorrindo. O que me dava raiva era o jeito calmo em que ele continuava a falar, e finalmente perceber que ele estava no controle da situação me assustou mais ainda. Tentou encostar a boca na minha, e eu virei  rosto rapidamente... já entrando em desespero... como sairia dali??  
Eu: Cala a boca e sai de perto de mim! – Falei mais alto.
Lucas: Ahh, pode começar só com um beijo... garanto que vai pedir mais. – Eu odiava o sorriso que ele dava. Senti-o tentar imprensar meu corpo contra os armários, mas ele era indiscutivelmente maior que eu tinha mais força.
Eu: Me larga! – Tentei empurrá-lo e então ele segurou firme meus braços.
Lucas: Que foi? Quer mais privacidade? – Ele soltou minha mão e passou os dedos no meu rosto. Tá, afinal estamos num colégio... tem um banheiro ali olha..podemos trancar a porta. Seu namoradinho nem vai ficar sabendo. - Tive nojo não só do que ele estava tentando fazer, mas por ter incluído o Taylor nisso. Vi meus dedos deixarem marcas no seu rosto em questão de milésimos de segundos. Ele virou um pouco o rosto, sentindo a dor da minha raiva em seu rosto.
Tay: Till!! – Olhamos na direção de onde ouvi a voz. Não poderia ser verdade. Ele estava ali, parado, com a mão no bolso e cabeça baixa.
Lucas: Falando nele! – Disse baixo, mas o suficiente para ouvirmos.
Tay: Larga ela. Sai daqui. E é melhor que isso não aconteça outra vez. – Ele disse firme, respirando fundo. Till se afastou de mim... não sei se o que sentiu foi o medo físico ou se conseguiu medir as conseqüências de ter alguém olhando o que estava tentando fazer. Senti que meu corpo inteiro tremia. Estava assustada. Muito. Abaixei levemente a cabeça agradecendo por ter acabado.
Lucas: Sorte sua, princesa de ferro. Você é mais difícil que eu pensei. – Falou para mim antes de sair, embora eu não quisesse de fora alguma encará-lo. Ouvi os passos do Taylor se aproximarem. Ele parou na minha frente e só então levantei os olhos. Não sei descrever sua expressão neste momento, não lembro se consegui realmente ver. Apenas o ouvi dizer...
Tay: Sel...? Você... está bem? – A mesma pergunta de duas noites atrás. A mesma pessoa. Mas agora meus olhos estavam úmidos e num gesto preciso e involuntário mergulhei num abraço, que apenas alguns segundos depois foi retribuído. Fechei meus olhos e minhas lágrimas molharam sua blusa. Foi demorado... reconfortante. Eu sabia que devia estar ali. Como se tivesse a proteção que eu precisava, eu sabia que pertencia àquele abraço que me segurou. Sem explicação, era diferente.



FIM: Selena Version
**************************

Adicional: Taylor Version

Como sempre eu não havia voltado para casa com o pessoal. Também não demoraria. Não estava com cabeça para falar com qualquer pessoa. Sentia um peso sobre mim... colocado por eu mesmo. Eu a queria comigo. Mas e se ela não ficasse por muito tempo? Pesar uma decisão estava sendo difícil, e nesse caso, percebi que o tempo era o meu maior inimigo.
Passei por um corredor e ouvi uma voz conhecida ecoando que me distraiu no meu próprio mundo. Dei alguns passos. Vi o que eu não esperava. Ela não só tinha medo em sua expressão. Mas estava nas mãos de um outro cara, e isso pareceu estranho. Percebi que não era culpa dela, mas senti um impacto profundo e estranho ao vê-la com ele. Uma coisa que eu nunca tinha sentido. Não saberia definir. Ele não merecia nem sequer chegar perto dela. Mas estava lá, com a mão em seu rosto. Não sei se pensei quando mandei que ele saísse, mas sei que era o que meu coração estava pedindo. Não sei por que fiz isso, mas sei que não foi só porque era uma garota e não merecia aquilo. Era Selena. E isso era mais forte.
Sentir seu abraço de imediato foi estranho...com um certo receio, já que duas noites atrás ela mal deixou que eu a tocasse até decidir o que fazer. Mas era aqui que ela deveria estar. Seu corpo entre meus braços, suas lágrimas quentes... só mostraram que aquele abraço era único e foi feito especialmente para ela. Nunca foi de outra pessoa e eu já sabia disso. Mas só agora pareceu tão claro. Talvez eu nunca devesse deixá-la sair dali. Ou talvez eu nunca quisesse deixá-la sair . Não sei se seria algo egoísta, mas eu não queria que outra pessoa além de mim sentisse seu coração batendo como estou sentindo agora. Não foi um simples abraço. Foi bem... diferente.  


*********************************


~> Pronto..! É! Pronto! Eu ia postar ontem uma parte do capítulo, mas resolvi postar hoje tudo de uma vez. Então, aí está. Não sei se ficou bom... mas espero que tenham gostado. Voltaremos à versão da Miley no próximo capítulo! Já leram sobre o projeto? > http://everniley.blogspot.com/2011/04/projeto-escreva-uma-musica-para-miley.html

~> Respondendo:
·         Blondie: Obrigada,amr! Postado!
·         Bloggeira: kkkk É, um sonho, quem dera que fosse real. *-* kkkk Crise de abstinência? Sorry ter demorado tanto então! Kkk Mas ta postado!
·         Real Love – Niley: kkk Já aconteceu comigo, no problem. Logo teremos o baile! *-*
·         Manu Costa: E quem não queria um Nick desse??? *-* Ownnn Postado, amr! Não sei se ficou bom... mas obrigada!
·         Thaina: Sério? Ownt Que fofa! É tão bom saber disso! Fico muito feliz mesmo!! Boa sorte com seu blog! E oown...vou ficar vermelhinha de vergonha *-* Obrigada por todo esse carinho, amr!!
·         Roña de’La Rive: rsrs...bom, já tive leitores meninoos SIM! Não se sinta só!  E que fofo você gostar dessas histórias, eu realmente acho fofo. Não gosto de quando eles dão uma de ‘durão’, e não gosta de coisas românticas. Não liga para o que os meninos da tuua escola falam, siga com o que você gosta, você sabe o que é verdade e o que não é, e não deve isso a eles! Você é amigo da “New Histories” não, é? Já vi ela falar de vc no blog. Ah, Nicholas Sparks é O CARA! Amo as historias dele, e esses dias peguei no shopping 3 livros dele, abracei e não quis mais soltar. Rsrs E de gay ele não tem nada, viu. ;)
·         Juliana: Postadoo!
·         Gabrielly Potter: Brigada amigaaa! Vc não pertubou dessa vez, kkkk
·         Tércia: kkkk Migah, vc me faz rir. Ti dóluh muito!! Eu tbem me divirto muito escrevendo a personagem da Demi! Sym, os coments são tão importantes quanto os capítulos. Eles que estimulam a gente a continuar, e eu amo os seus. Todas queremos o Nick! HAHAAmei as idéias e to pensando muito nelas. THX!
·         Tmendre: kkkkkk legal mesmo essa parte! *-* Obrigada amr, seu blog tbem é ótimo!
·         Mihpecyrus1: Obrigada, amr! Ah, pois pode esperar que o mistério não acabou! Isso faz parte do nosso Nick! *-*
xoxoxo
Marcadores: | edit post
Está: 
18 Responses
  1. Niley Ever Says:

    AMEEI! posta mais amr


  2. thaina Says:

    ai amei,
    vermelhinha rsrsrsrs
    e preciso de sorte mesmo ta tendo uma briga feia no meu blog passa la para ve
    a posta logo amor
    muito fofo taylena
    postaaa


  3. New Says:

    OI EVEER, EU SEI - SUMIDA, SEM CONSIDERAÇÃO!
    So sorrryy! =((((
    semana de provas é o inferno na teerra - mentira, nem tanto assim!
    mas eu ameeey o caap
    e sobre o projeto MUITÍSIIMO INTERESSANTE, TALVEZ EU MANDE, SE EU CONSEGUIR ESCREVER
    - to procupada os ingressos no rio n]ao estão parando e eu quero ir no camarote e já acabou - q droga!
    eu vou ter que dá um jeito!

    hei, o roña falou que veio akiee! pelo visto gostou, esse moleque lê de tudo, apesar e uma certa e estranha admiração por história s que tenham m0rte, ele acha melhor!
    mas lê de tudo é um exemplo a ser seguido.
    rsrsrs
    bom,,eu ameeey demaaais o caap
    posta lgoooo
    xoxoxooxoxox =)


  4. Manu Costa Says:

    Aiiii *--* Ficu muuiitooo Bom :)
    Ameii
    Tadinha da Sel, ainda bem que o Tay apareceu ali :]
    Posta Logooo
    Beeijos


  5. Juliana Says:

    OMG, está lindo ! A versão da Sel está perfeita ! To doida pra que .. Saylor? Telena? KKKK como é? KK acho que é assim. To doida para que eles fiquem juntos logo, fofos *-*
    KKK Demi doooida KKK Na vida real eu sou que nem a Demi na sua fic, meus amigos perdem a paciencia comigo HAUHUAJH
    Jooe, super fofo *-* afinal, não tem como não amar o sorriso da Demi né? haha

    beijos, posta logo !


  6. oi, muito bacana o capitulo
    eu gostei!
    e sim eu sou o primo da New, estamos morando juntos atualmente, então...
    Nossa abraçou 3 livros e não kis soltar, rsrsrs!
    bom saber!
    posta rápido
    beijão
    s2


  7. Mackenzie Says:

    (só pra vc saber eu sou a antiga bloggeira ok )
    Aii que bom que vc postou!
    Eu ameiii ta lindo , fofo , perfeito!
    Achei estranho sorvete e chuva... pensei que fosse só eu que gostava de comer sorvete quando ta frio kkk
    E pensando como seria bom se na vida real existisse Ctrl C e Ctrl V!
    o capitulo ta lindo é sempre bom sair um pouco de NILEY...
    Enfim... Posta logoooo
    xoxoxoxo


  8. BlondieCyrus Says:

    Muito fofo os Telena. E seria mesmo ótimo ter Ctrl C e Ctrl V na vida real. EU AMO A DEMI! Ela é igual a uma amiga minha na vida real, bem maluquinha.


  9. amorah Says:

    postaaaaaaaaaaaaa rapido
    eu sei que nunca comentei aqu antes mas ja venho acompanhando a historia a um bom tempo... eu posso afirmar que ela é uma das melhores(se nao é a melhor)historia que eu ja li
    eu estou super curiosa a maneira que voce escreve... é uncrivel
    umas perguntinhas que nao querem calar:
    ta proximo do nick descubrir que a miley é a garota do parque? Ele vai ficar com raiva? porfavor eu to muito anciosa
    e pleeeease me add no meu msn pra gente poder cv, sabe estou criando uma historia e queria umas dicas
    daniella_fca@hotmail.com
    valeu e posta rapido!


  10. tmendre Says:

    Eu amei o capitulo
    Tah muito perfeito (sempreneh)
    Eu amei essa parte
    Eu: Hm...só estava passando o tempo, escrevendo alguma coisa...
    My: Não sabia que escrevia!
    Demi: Tá achando que ela chegou no ultimo ano da escola como, My?? – Censurou. – Não existe Ctrl C e Ctrl V na vida real, queridinha. – Revirou os olhos e mais uma vez a encaramos.
    Eu ri muito
    Ahh o Taylor é um herói haushauhsuahsua'
    SALVOU A SEL ;)
    êêêêêê
    HAUSHAUHSUAHUAS'
    To curiosa baby :D
    Quero saber o que vai acontcer
    A Sel e Taylor vão se entender hem hem?!
    haushauhsauhsuas'
    Amei amore
    Peace&Love


  11. Téh Says:

    AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    Q VERSÕES MAIS ESPECIAIS DA SEL E DO TAY! ADOREI AS DUAS, E FOI BOM ENTENDER O LADO, O SOFRIMENTO E O DRAMA DESSE AMOR!
    - filosofei, kkkkkkkkkk

    MAS VOLTANDO...
    FIQUEI IMPRESSIONADA COM A CARA DE PAU DO TILL. Q GAROTO IDIOTA, MESQUINHO, ARROGANTE, ....
    BOM, NÃO PERDEREI MEU TEMPO OFENDO AQUELE TRASTE!

    ESPERO Q AGORA DE UMA VEZ POR TODAS TELENA SE RESOLVA!
    ELES SÃO FOFOS QUANDO VC ESCREVE! *o*

    AMEI, E QUERO LOGO A MILEY TO BACK
    - inglês fail, sorry

    hsuashuhas

    te amo best, saudades sem limites! beijos


  12. Disneyfics Says:

    oiee;}
    to seguindo a fic jaa ha um tempo e ta incrivel eu amo!!parabens!
    eu tbm queria pedir que vc divulgasse o meu blog eh:http://disneyfics.blogs.sapo.pt/

    me add no msn: karol-linah@hotmail.com


  13. Hey,olha eu aqui :D sorry ter demorado a aparecer,ando meio sem tempo beibe,então sobr eo cap..
    ~TAN TAN TAN~
    Cap perfeito como sempre,achei realmente muito fofo,um dos melhores da fic,eu adoreii
    #ansiosa pelo prox cap

    PS. vou te pertubar sobre o novo cap até vc postar


  14. Niley Ever Says:

    amor, lê e indica meus dois blogs porfavor?
    www.nileyfever.blogspot.com
    www.nileyfacts.blogspot.com
    Obrigada, e posta mais, eu amo sua fic =)


  15. jessica Says:

    AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII!! Que fofis:P
    Você poderia publicar o meu blog é que a ultima vez que publiquei o meu capitulo foi em fevereiro e só agora é que eu voltei a postar algum capitulo, vai la e me digas o que achaste se tiver preguiça leia pelo menos o final do ultimo capitulo é que eu realmente achei demais essa paerte e queria saber se é verdade ou se eu que estou meu gabando demais o meu blog é:
    http://foreverniley.blogs.sapo.pt/


  16. Malody Marie Says:

    Heyy
    deculpa não ter mais comentado é que eu ando muito ocupada
    Ta lindo
    posta logooooooooo
    tem um selinho pra você no meu blog
    http://nileylife.blogspot.com/
    passa lá np blog da minha irmã:
    http://nileynossahistoria.blogspot.com/
    Posta logooooooooooooooo
    ta muito linda a sua história
    xoxo


  17. Raissa Says:

    Amei muito *-*

    Pode divulgar meu novo blog?
    www.thestory-ofmylife.blogspot.com
    Beijos ;*


  18. Ai, eu adoreeeei! Sua fic é maravilhosa!
    Ah, tem um selo pra você no meu blog! :) Da uma olhada lá! http://reallove-niley.blogspot.com/ Copia e cola a imagem e depois faz o que diz lá, ok?

    Beeeeijos